Cotidiano

Bandidos tentam assaltar delegado, que reage e mata um

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) vai investigar tentativa de assalto ao delegado de Polícia Civil, Rodrigo Yassaka. Na última sexta-feira (22). Ele foi abordado por uma dupla de criminosos quando chegava em sua casa, em Campo Grande, reagiu, e matou um deles.  

Conforme a Polícia Civil, o delegado estava no interior de seu veículo e, no momento em que sua filha entrou no carro. Eles foram abordados por dois homens, que cercaram o veículo. Um dos suspeitos chegou a abrir a porta do motorista, onde o policial estava, e, com uma faca, anunciou o crime.

O outro assaltante tentou abrir a porta do passageiro, onde estava a filha do policial. O delegado efetuou dois disparos, que atingiu um dos homens. O segundo autor conseguiu fugir.

O caso foi registrado como roubo majorado pelo concurso de pessoas e emprego de arma branca e morte decorrente de intervenção policial.

Foi identificado como Guilherme Alves, de 17 anos, o adolescente que foi morto com tiro no peito ao tentar assaltar o delegado Rodrigo Guiraldelli Yassaka.

Guilherme teria saído de uma Unei (Unidade Educacional de Internação) em março deste ano e já havia sido apreendido neste período. O garoto agia em assaltos a veículos e seus alvos eram em maioria mulheres, ainda conforme apurado.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.