News

Garotinho é condenado por formação de quadrilha armada

RIO DE JANEIRO | RJ – O ex-governador e candidato ao governo Anthony Garotinho (PRP) foi condenado, nesta terça-feira, em segunda instância pela segunda turma do TRF-2 por formação de quadrilha.

A pena, originalmente de dois anos e seis meses, aumentou para quatro anos e seis meses, passando assim para o regime semiaberto.

A condenação se refere ao caso de loteamento de cargos nas delegacias do Rio, durante os governos Garotinho e Rosinha, numa associação com a quadrilha do contraventor Rogério de Andrade. Outro condenado no processo, com pena de 28 anos e um mês, é Alvaro Lins, então chefe da Polícia Civil. Os desembargadores também decidiram por oficiar imediatamente o TRE e o Ministério Público Eleitoral.

Share:

Leave a reply