Cotidiano

Papa celebra casamento de comissários durante voo

O papa Francisco celebrou o casamento de dois funcionários de companhia aérea a bordo do avião no Chile. O voo seguia de Santiago para Iquique, nesta quinta-feira (18).

Francisco estava conversando com os dois funcionários da Latam quando o casal disse que eles não tinham se casado na igreja. Então, o papa perguntou se eles queriam casar imediatamente. Eles responderam que sim.

Segundo as informações da companhia e dos jornalistas que estavam no voo, Carlo Ciuffardi, 41 anos, e Paula Podest, 39, foram pedir uma benção a Jorge Mario Bergoglio durante as mais de duras horas de viagem. Então, Francisco perguntou se eles eram casados e eles responderam que apenas no civil.

Carlo e Paula têm dois filhos e não se casaram no religioso porque o terremoto de 2010 destruiu a igreja onde se uniriam em matrimônio.

Ao saber do motivo do casal não ter realizado a cerimônia e por decisão do próprio Francisco, ele fez o casamento nas alturas. O papa fez todas as perguntas comuns em uma cerimônia religiosa, como o valor do matrimônio e da união religiosa.

Como testemunhas, foram rapidamente recrutados o padre Felipe Herrera, que acompanhava o voo, e o presidente da Latam, Ignacio Cueto.

Paula é a chefe das comissárias de bordo do voo, enquanto Carlo trabalha como técnico da companhia aérea.

O porta-voz da Santa Sé, Greg Burke, disse aos jornalistas a validade do matrimônio celebrado por Francisco e informou que eles receberam até mesmo uma certidão, escrita à mão, comprovando a união religiosa.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.