Cotidiano

População é proibida de acompanhar votação da reforma no plenário da Câmara

BRASÍLIA | DF – Ontem, as arquibancadas do plenário da Câmara foram esvaziadas durante a sessão de votação da reforma da Previdência.  Manifestantes iniciaram um protesto na entrada do anexo 2 da Casa, depois de serem impedidos de entrar no prédio.

 A Polícia Legislativa foi chamada e isolou a entrada. Policiais detinham cacetes e spray de pimenta das mãos. Deputados chegaram a pedir ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que tomasse alguma atitude para permitir o acesso das pessoas ao plenário.

 

Share:

Leave a reply