News

Saiba porque a Globo ataca Bolsonaro

O jogo sujo da Globo e o real motivo de toda a artilharia da emissora se voltar para o PRESIDENTE BOLSONARO

Leia tudo

Ainda durante a campanha presidencial nós vimos o grupo Globo lançando ferozes ataques contra o então candidato Jair Bolsonaro.

Após ter sido eleito, o grupo Globo, através de sua emissora, afiliadas, mídia digital, rádios e jornal impresso, intensificou os ataques ao Presidente e integrantes do governo, chegando ao ridículo de tentar validar gravações flagrantemente editadas.

Para isso vem contando com um enorme time de jornalistas mercenários e artistas idiotizados, que seguem piamente as pautas ditadas pela direção geral da empresa.

Eu sei que você deve se perguntar o porquê dessa perseguição tão feroz contra o Presidente, e a sanha de querer destruir sua imagem e destituí-lo a qualquer custo, não é mesmo? Pois bem, eu vou lhe dar a resposta que nem todo mundo conhece.

No ano de 2007, quando venceu a concessão da Globo, ela estava devedora do FISCO e por Lei não se qualificaria para a renovação, pois precisava apresentar as certidões negativas de débito, e elas simplesmente não poderiam ser emitidas pois a Globo era efetivamente inadimplente, e nem era por não ter dinheiro, e sim por criminosa e intencional SONEGAÇÃO.

No dia 3 de janeiro de 2007 o processo da Receita Federal que denunciava a sonegação e abriria a execução da dívida de R$ 615 milhões contra a Globo (processo nº 18471.001126/2006-14) seria mandado para o Ministério Público Federal para fins penais, e aí é que ela não conseguiria mesmo renovar a concessão.

Só que… No dia 2 de janeiro, ou seja, na véspera, a Agente Administrativa da Receita Federal, Cristina Maris Meinick Ribeiro (que mudou de nome para Cristina Maris Ribeiro da Silva, após ter sido denunciada), mesmo estando de férias, entrou na Receita Federal de Ipanema e subtraiu o tal processo, sabe-se a mando de quem (Globo) e com o apoio de quem (PT).

Com o processo de execução desaparecido, não houve outra solução a não ser o governo (cujo Presidente era o Lula) renovar a concessão.
Para que uma renovação de concessão seja aprovada, é preciso antes haver uma votação na Câmara dos Deputados e ter o apoio de 3/5 dos Deputados Federais.

Na época ninguém se atrevia a se opor à “poderosa Globo”, com medo de arriscar os próprios mandatos. Ao mesmo tempo, Lula – o “amiguinho da Globo” – contava com ampla maioria na Câmara, e portanto não foi nada difícil essa aprovação.

Uma vez aprovado no covil, no dia 14 de abril de 2008 o então Presidente Lula, por meio de decretos não numerados renovou, por 15 anos, com data retroativa de 5 de outubro de 2007, as concessões da Globo Comunicações e Participações S/A – GLOBOPAR – para explorar os serviços de radiodifusão, sons e imagens nas cidades do Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Brasília.

Só tem um detalhe nisso tudo… Em 23 de agosto de 2005, por um decreto obscuro e não numerado, Lula havia autorizado a transferência das concessões da TV Globo Ltda. para a GLOBOPAR, e com isso, a renovação da concessão da TV Globo também passou a valer a partir de 5 de outubro de 2007.

E agora é que vem a cereja do bolo…
A concessão, por 15 anos, vence no dia 5 de outubro de 2022, ou seja, dois meses e meio antes de Bolsonaro sair da Presidência ou ter seu mandato renovado. Adivinhem só!

É sabido que a Globo deve muito dinheiro, e se ela estiver devendo R$ 1,00 que seja ao Governo Federal ou envolvida em processo de sonegação em 2022, não conseguirá as certidões negativas necessárias para a renovação, e nem adianta tentar cooptar servidor público para roubar processos novamente.

Além disso, hoje a Globo não tem o apoio de 3/5 da Câmara.. Só lembrando, até lá muitos dos antigos apoiadores da Globo já estarão com seus mandatos cassados e/ou na cadeia.

Vale lembrar também que após 3 anos sem receber as gordas quantias que recebia do Governo Federal, a saúde financeira da Globo ficará cada vez mais comprometida e com dívidas praticamente impagáveis.

Sem as condições descritas alcançadas, Bolsonaro prazerosamente não assinará o decreto renovando a concessão, e todo o sistema Globo vai simplesmente deixar de existir. O castelo dos Marinho vai ruir como um castelo de cartas.

Entendeu agora por que é que a Globo está com toda a sua artilharia voltada contra o Bolsonaro?

A Globo não passa de um animal ferido, agonizando e lutando (em vão) nos seus derradeiros dias de vida.

É uma queda de braço perdida para o sistema que por décadas abusou da manipulação dos brasileiros e fez do país e no país o que bem entendeu.

.Bonner, seu babaca, será um prazer não ver mais a sua cara e nem dos teus coleguinhas chinfrins….

Texto de

Marcelo Rates Quaranta – https://www.jornaldacidadeonline.com.br/ 

Share:

Leave a reply