Cotidiano

Argentina, o retrato do fracasso no Socialismo, já se assemelha à miséria existente na Venezuela e em Cuba

As falhas estruturais nas estratégias de governo ficam explícitas ao ver a população sofrendo com a fome. Cuba e Venezuela já estão fadadas ao fracasso, e isto todos já sabem. A população cubana, inclusive, se cansou dos descasos do comunismo e tenta uma revolução política no país.

É histórico que os governos que tendem ao socialismo acabam sofrendo duras consequências, por não terem condições de manter um regime que ignora os lucros e a economia. A opressão ao povo é outro ponto sempre lembrado por este modelo de gestão.

Na Argentina, Alberto Fernández, um lulista declarado, assumiu sob aclamações de salvador da pátria esquerdista, mas assim como todos do posicionamento, deixa o país aos trapos, economicamente e também sanitariamente, diante da maior crise do mundo nos últimos tempos.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, relembrou recentemente que chegou a alertar aos “hermanos” sobre os riscos que corriam com a retomada da esquerda ao poder. As consequências vieram com a inflação de 50% e a moeda altamente desvalorizada.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.