Cotidiano

Brasileira morre com drogas no estômago em Portugal

Deyse Ricarte, de 28 anos, enviou um vídeo a uma amiga, dizendo que amava os pais, pouco antes de morrer com drogas no estômago em um hotel de Lisboa, Portugal, na segunda-feira (9).

“Você acha que meu rosto está muito inchado? Ou está normal? Acho que vou morrer, amiga. Ai, Senhor, me ajuda. Amiga, fala com minha mãe que eu amo ela, e meu pai. Não vou aguentar”, disse Deyse na gravação, que o G1 teve acesso.

A amiga, que não quis se identificar, disse ao G1 que Deyse aceitou a proposta de transportar drogas para receber R$ 12 mil e o sonho dela era fazer uma cirurgia plástica. Deyse deixou um filho de 11 anos.

De acordo com o G1, a polícia portuguesa suspeita que Deyse tenha engolido cápsulas de cocaína e uma delas se rompeu no estômago, causando overdose.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.