Cotidiano

Ela encontrou fatura com dinheiro, pagou conta e postou

JOÃO PESSOA (PB) – Na tarde da última quinta-feira (3), a telefonista Silviane Cunha Derika Sawany, de 30 anos, estava em um ônibus indo para a lanchonete onde trabalha quando encontrou uma fatura e R$ 600. O caso ganhou repercussão pela atitude de Silviane, que não só pagou o boleto como publicou o ocorrido em uma rede social para localizar a vendedora Claudineia Santos Lima, de 43 anos.

O objetivo da mulher era devolver o troco, já que a fatura era de R$ 564. O post viralizou na web e, no mesmo dia, o filho de Claudineia entrou em contato com Silviane. “Eu estava sentada do lado onde batia sol e assim que esvaziou eu mudei de lado para ficar na sombra. Logo que sentei, vi a fatura enroscada entre o banco e a lataria do ônibus. Quando abri, vi que o dinheiro estava dentro, coloquei na bolsa e na hora já decidi que pagaria.

Só não fui na mesma hora porque chegaria atrasada ao trabalho. Mas no dia seguinte, saí mais cedo de casa para passar no banco antes. Em nenhum momento pensei em ficar com o dinheiro”, conta a telefonista.

Após o pagamento, Silviane publicou fotos do boleto já pago e escreveu: “Achei ontem no ônibus 5100 em mangabeira esses 600 reais com uma fatura, a pessoa q perdeu deve ta desesperada, nessa crise faz muita falta, quem a conhecer pode passar p ela q a fatura está paga, n tem número de telefone, seu nome é claudineia santos lima do funcionários II (sic)”.

Após pagamento, Silviane publicou fotos do boleto e encontrou Claudineia…
Não demorou muito para que a telefonista encontrasse Claudineia. “No dia que eu publiquei o filho dela entrou em contato comigo e me agradeceu. No sábado, nós nos encontramos na minha casa, mas eles não aceitaram o troco de jeito nenhum”, comentou Silviane. A telefonista também disse que não esperava tanta repercussão.

Até esta segunda-feira (7), foram mais de mil comentários, 6,5 mil curtidas e quase 9 mil compartilhamentos. “Pra mim, minha atitude foi normal. Só fiz o que é certo.

 

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.