Cotidiano

Harpa em projeto social?

O projeto social do Espaço Cultural da Grota, em Niterói (RJ), atende a jovens e crianças da comunidade da Grota do Surucucu desde a década de 1980. O programa se desenvolveu tanto que deu origem a uma orquestra. Os músicos mirins buscam, agora, uma harpa para seu acervo.

Créditos: reprodução/@Gustavo Jiménez/YouTube

Você já viu aula de harpa em projeto social? No Rio, tem

Em 1995, aulas de música passaram a ser ministradas no projeto, que culminaram na formação da Orquestra de Cordas da Grota. O objetivo inicial de transmitir conhecimento musical resultou em apresentações no Brasil e no exterior, geração de renda e a perspectiva de um futuro melhor. Com o trabalho, foram adquiridos reconhecimentos e premiações.

Em 2017, aulas de harpa passaram a integrar o projeto. O responsável pelo ensino é Gustavo Jiménez, harpista graduado pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Os estudantes iniciaram a prática e se apaixonaram pelo instrumento, emprestado do professor, que o carregava para a comunidade toda vez que lecionava ali. Com o objetivo de adquirir harpas para os alunos, Jiménez iniciou uma campanha de financiamento coletivo.

Créditos: reprodução/@Gustavo Jiménez/YouTube

Você já viu aula de harpa em projeto social? No Rio, tem

“Como em qualquer aprendizado em música, além da realização das aulas, é necessário que os alunos pratiquem o que foi feito durante as lições para poderem se aperfeiçoar”, explica Jiménez, na página da campanha.

A orquestra formada no Espaço Cultural da Grota já possui outros instrumentos e, para obter uma ou mais harpas, espera bater a meta de R$ 5.750. Caso você queira ajudar, clique aqui.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.