Cotidiano

Homem leva mais de 500 ferroadas em ataque de abelhas

LONDRINA | PR – Mais de 500 ferrões foram retirados do corpo da vítima. O caso aconteceu por volta das 10h:30 da manhã deste domingo (27), no bairro Jardim Acapulco.

Ele, que tem 63 anos, chegou a ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital, por precaução, caso tivesse algum tipo de reação por causa do veneno das abelhas, mas não houve complicações. Deve receber alta em breve.

O membro do comitê científico da associação Abelha, uma organização que estuda o animal, Cristiano Menezes orienta sobre como agir durante um ataque.

“Se a pessoa está sendo ferroada e precisa se desvencilhar das abelhas, a melhor estratégia é correr em zigue-zague. Porque quando a abelha ferroa ela deixa o ferrão na nossa pele que libera um feromônio e correr em linha reta faz um caminho de feromônio que atraem as outras abelhas”, explicou.

A utilização de fumaça ou água também pode ajudar a se desvencilhar de um enxame. De qualquer forma, caso a pessoa seja ferroada, é preciso procurar atendimento médico imediatamente. Em alguns casos, quando a pessoa é alérgica ao veneno da abelha, um único ferrão pode levar à morte. Cristiano explica que elas só atacam quando se sentem ameaçadas.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.