News

Proteção de 100% contra a Covid

O CEO da farmacêutica AstraZeneca, Pascal Soriot, disse que a vacina desenvolvida pela companhia em parceria com a Universidade de Oxford (Reino Unido) , disse que a vacina garantiu “proteção de 100%” contra formas graves de covid-19. Os imunizantes desenvolvidos por Pfizer/BioNTech e Moderna apresentaram eficácia de 95% e 94%, respectivamente.

“Acreditamos ter encontrado a fórmula vencedora e como alcançar uma eficácia que, com duas doses, é tão alta quanto as outras”, disse CEO Pascal Soriot em entrevista ao jornal britânico Sunday Times.

 Soriot disse acreditar que a vacina da AstraZeneca será eficaz contra a mutação B.1.1.7 do novo coronavírus, uma variante possivelmente mais infecciosa que recentemente se espalhou pelo Reino Unido e levou mais de 50 países a restringir o trânsito de pessoas que estiveram em solo britânico recentemente.

“No entanto, não podemos garantir isso. Faremos alguns testes — afirmou o diretor-geral da AstraZeneca, que não descartou novas versões da vacina adaptadas para mutações”, disse o CEO da farmacêutica.

A vacina da AstraZeneca/Universidade de Oxford custa menos do que as principais fórmulas em desenvolvimento ou aprovadas emergencialmente.

O governo federal já comprou 100 milhões de doses da vacina da AstraZeneca, por R$ 1,9 bilhão. Os recursos foram liberados por meio de uma medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que foi aprovada pelo Senado.

Share:

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.